sexta-feira, 6 de janeiro de 2006

Brincadeiras Novas

Olá pessoal,
dêem uma olhada na minha última "arte"...







Eu sei que não é lá a 8ª maravilha do mundo mas, para quem até semana passada nunca tinha se sentado à máquina de costura, e o máximo que sabia fazer era alinhavar algo à mão que, no fim, acabava todo repuxado e cheio de emendas, acho que até está bom!

Eu comprei o tecido, peguei uma bata que eu tenho, risquei no papel ("molde"), cortei no tecido, e costurei! Parece que foi simples assim, né? Mas eu levei seis horas para fazer tudo isso, rsrsrs, pois é, não riam de mim... tenho muito a melhorar, mas eu só queria saber se eu era capaz de fazer alguma coisa com a máquina de costura, e vi que até que dá pra me virar se todas as lojas de roupas do mundo fecharem e eu tiver de fazer minhas próprias roupas (caso um pouco hipotético, não?)...

Como prometido ontem, estou colocando aqui também o PAP da minha bolsa-coreana-rosa-com-alças-torcidas... espero que seja útil!

O motivo é o que segue abaixo:

Para fazer uma bolsa igual à minha, são necessários 13 motivos como esse, arranjados da seguinte forma:


A parte da esquerda é a frente, a da direita representa as costas.

Onde estão as linhas pontilhadas, são os motivos inteiros que farão parte da frente e das costas, ou seja, serão costurados onde tem as estrelinhas, metade na parte da frente, metade na parte de trás, ficarão dobrados.
Para a alça, você pega a quantidade de fios que desejar, dependendo se quer mais fina ou mais grossa, daí você corta num comprimento que tem de ser o dobro do comprimento que você quer que fique a alça da bolsa. Junte todos os fios (eu fiz com 15 fios) e prenda as extremidades numa gaveta ou peça para alguém segurar. A outra extremidade você vai torcendo bastante, bastante. Daí você põe o dedo no meio do comprimento, segura as duas extremidades dos fios juntas, e solta o dedo que está segurando o meio, ainda segurando as extremidades juntas. O que acontece é que as duas metades se enrolam uma sobre a outra. Daí você dá um nó grossão nos buracos dos motivos de cima, prendendo a alça, e faz o mesmo procedimento para a outra alça. Esses nós vão ficar escondidos por baixo do forro, quando você for costurar ou colar ele na bolsa.

Para o forro, eu usei um tecido de forro, não me perguntem qual é pois não entendo nada de tecidos, mas eu fui na loja de lãs e perguntei para a menina que tecido eu poderia usar para forrar uma bolsa, daí comprei meio metro (eles não vendiam menos) do que ela me indicou, é bem resistente, vou ver se descubro o que é, daí cortei no formato da bolsa, deixando dois dedinhos para as costuras, costurei como se fosse um saco e colei com cola quente na bolsa. Sugestão: cole primeiro os níveis, ou seja, onde o tecido e a bolsa mudam de direção, os cantos dos quadrados, pois eu fui colando normalmente e daí quando chegava nos cantos, faltava forro, ou seja, eu tinha puxado mais do que deveria… faça assim, cole primeiro no ponto onde tem as estrelinhas pretas e depois vá colando em volta…


Será que dá pra entender? Sou péssima para explicar...

Agora só um comentário "non-art": você conhece um cara há dois anos que trabalha com você, e o admira porque ele é um doce, gentil, inteligente, simpático, solícito e tudo o mais. Adora trabalhar com ele. Daí, de repente ele sobe um degrauzinho de nada na hierarquia da empresa onde vocês trabalham e pensa que virou seu chefe. E ele se torna o cara mais insuportável do mundo. Honey, onde está aquela sua doçura e educação, sua simpatia e solicitude? Você pode até pensar que é meu chefe, mas não venha começar a pensar que é meu dono porque vai cair do cavalo. Aliás, tô te dando adeusinhos logo, logo.

Ai, que saco!

3 comentários:

Márcia disse...

Pô Patty, ficou demais!!! Que linda! Parabéns! Apesar da minha mãe ser uma excelente costureira eu não levo o mínimo jeito com máquina de costura... Acho que vc está no caminho certo. Cool!

Marina disse...

Oi Paty.
Adorei sua bata e fez copiando, sem molde, parabéns!
Olha, já tive idéias em cima da sua bata e imaginei uns enfeitinhos de crochê, missangas, etc.
Sabe, tenho um lado meio hipie e adoro enfeites, brilhos, coisas que lembrem: "Eu que fiz".
Beijo

Fazendo Arte disse...

Oi Paty. Adorei a sua bolsa rosa, estou pensando em fazer uma pra mim, mas fique tranquila que será de outra cor, pra não ficarmos parecidas. Queria saber como vc pregou o forro. Foi a mão mesmo? E que tecido vc usou? Adorei o seu blog, depois vc visita o meu (é novinho, criei esta semana).
Bjinho pra vc.
Cristiane.